Página Inicial
     
  CARCIONOMA ESPINOCELULAR  

 
O Carcinoma Espinocelular é uma neoplasia maligna de pele de cães e gatos muito comum em nosso país que é tropical onde predominam altas temperaturas, uma vez que essa desordem cutânea está associada a uma exposição prolongada da pele à radiação solar.

As áreas cutâneas mais atingidas são aquelas despigmentadas (com pouca melanina que é o pigmento que protege a pele da ação dos raios solares) e também com pouca cobertura pilosa em locais como abdômen, região inguinal, espelho nasal e extremidades do corpo.

A herança genética também está envolvida no desenvolvimento das lesões.

A ocorrência do carcinoma espinocelular é mais comum em animais mais velhos (ao redor dos 7 anos) mas pode ocorrer também em jovens.

Características das lesões:
Antes da instalação das lesões cancerosas, ocorrem alterações mais discretas caracterizando a dermatite actínica (doença pré neoplásic ) onde observa-se um vermelhidão na pele (eritema), placas,  pápulas e nódulos eritematosos e espessamento da pele, podendo também ocorrer infecção bacteriana profunda na pele (furunculose).

Com a evolução da doença as lesões tornam-se crostosas, hemorrágicas, não cicatrizam e ocorre a formação de extensos tumores ulcerados que a partir daí requerem a excisão cirúrgica muitas vezes associada à crioterapia.

Mesmo efetuando-se o tratamento das lesões já existentes, o animal deve ser retirado do sol urgentemente.

 
     
 
......
Antes
    ......
 

 

 
 
Depois
 
 
 
           
         
           
 
 
Hospital Veterinário 24 horas | (19) 3441-2827
.